às 12:08:00

Inscrições para o Teste de Progresso 2021 encerram na quarta (15)

O Teste do Progresso (TP) é uma avaliação cognitiva sem caráter de seleção ou classificação, constituído de uma prova institucional que avalia individualmente se o ganho de conhecimento por parte do estudante está sendo contínuo e progressivo, e como o conhecimento está sendo elaborado e consolidado nas áreas básicas e clínicas, importantes para o aproveitamento do internato e o desenvolvimento final do profissional.

Esse teste situa o estudante em seu processo evolutivo de ensino-aprendizado e permite à instituição realizar o diagnóstico de suas deficiências ao longo da estrutura curricular. Ele pode ser utilizado pelos colegiados competentes para avaliação de alterações curriculares e avaliações específicas de disciplinas ou módulos de ensino.

Todos os alunos do 1º ao 6º devem confirmar a inscrição, através do e-mail. O período de inscrição encerra na próxima quarta-feira (15). A prova será aplicada no dia 27 de outubro às 14h, no Uninovafapi, em salas a serem divulgadas.

Este Teste de Progresso é organizado por um Consórcio de Escolas Médicas Públicas e Privadas do Centro-Oeste, com apoio da Associação Brasileira de Ensino Médico - ABEM. Entidades como o Conselho Federal de Medicina (CFM) já apoiaram e recomendaram que as escolas realizem o Teste do Progresso como uma das avaliações do curso e do estudante reforçando assim que o TP é importante para o aprimoramento do processo ensino-aprendizagem e do curso.

As dúvidas relativas ao TP devem ser direcionadas ao NEAD do Uninovafapi e à Coordenação de Graduação de Medicina:

(86) 2106-0652 – NEAD

(86) 2106-0724 – Coordenação de Medicina

E-mail: [email protected]

 

 

- Quem pode e deve realizar?

O TP é anualmente aplicado aos estudantes regularmente matriculados no curso de graduação em Medicina, do primeiro ano até o sexto ano. A prova deve ser aplicada a todos os estudantes ao mesmo tempo, na mesma hora e com as mesmas regras. Em 2021.2 vão participar os alunos matriculados do segundo ao décimo segundo período do curso de Medicina.

 

- Qual a estrutura do Teste de Progresso?

A prova deve constar de cerca de 100 questões de múltipla escolha, elaboradas com base na prática clínica, visando a problemas que exijam aplicação de princípios ou soluções que requeiram um processo mental complexo (raciocínio e reflexão). As perguntas abrangem todas as áreas de amplo domínio do conhecimento: Ciências básicas, Ciências clínicas (Saúde Coletiva, Clínica Médica, Pediatria, Ginecologia e Cirurgia) e Ciências do comportamento/comunicação (Ética Médica e Humanidades).

 

- Qual é o objetivo básico do Teste de Progresso?

O TP tem por objetivo básico avaliar o desempenho cognitivo dos estudantes durante o decorrer do curso assim como aspectos do próprio curso de graduação.

 

- Para que servem os resultados do Teste de Progresso?

A análise dos resultados do TP permite que se faça uma avaliação, em conjunto com outras ferramentas avaliativas, da relação entre conteúdo programático e a estrutura curricular do curso de graduação em Medicina e também do grau de desenvolvimento dos estudantes ao longo do curso.

 

- Por que devo participar do Teste de Progresso?

Existem várias razões para sua participação ativa, entre elas podemos destacar:

- A realização sequencial do TP permite que o estudante verifique a evolução de seu desempenho cognitivo nas diferentes áreas e fases do curso, é uma avaliação chamada formativa que possibilita a identificação de potenciais dificuldades e incentiva a busca de correção.

- A avaliação dos resultados permite que a Coordenação de Graduação e os membros do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do curso avaliem, em associação com outras ferramentas, as áreas em que os estudantes estão apresentando maiores dificuldades, na busca de correção e aprimoramento dos processos de ensino-aprendizagem de forma global e por áreas específicas.

- A análise dos resultados do TP permite que sejam tomadas decisões e que se implementem ações na busca de melhorias contínuas tanto em nível do estudante, individualmente, como em nível do curso de graduação, de uma forma mais global.

- Uma outra vantagem da realização do TP é permitir treinamento na realização de avaliações, com vistas à realização futura de processos seletivos e avaliativos (como a avaliação seriada bianual proposta pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Medicina - 2014) dos quais os estudantes participarão, como por exemplo, dos processos seletivos para programas de Residência Médica.

- Adicionalmente, o processamento e a análise dos resultados obtidos permitirá que a Coordenação de Graduação e os membros do NDE do curso de Medicina construam curvas de desempenho cognitivo que auxiliarão na identificação das fragilidades e potencialidades dos estudantes nas diversas áreas de conhecimento e nas diferentes fases do curso. Estas informações em adição a outras advindas de variadas ferramentas avaliativas possibilitarão, em seu conjunto, o desencadeamento de ações com objetivo de aperfeiçoar a matriz curricular, o currículo, as estratégias de ensino-aprendizagem e os métodos pedagógicos adotados.

- Além disso, importantes Hospitais de Ensino do país têm considerado a participação em Testes de Progresso como parte de atividades que recebem pontuação na análise do curriculum vitae dos candidatos à admissão em programas de Residência Médica.

 

- Como será feita a divulgação dos resultados do Teste de Progresso?

Os resultados individuais do Teste de Progresso não serão divulgados de forma pública. Cada estudante poderá, mediante acesso via senha pessoal, ver o resultado do seu TP e acompanhar a evolução de seus resultados positivos (progresso) ao longo dos próximos anos.


Fonte: